A Próstata


A próstata é uma glândula do sistema genital masculino, localizada na frente do reto e embaixo da bexiga urinária. O tamanho da próstata varia com a idade. Em homens mais jovens, tem aproximadamente o tamanho de uma noz, mas pode ser muito maior em homens mais velhos.

A função da próstata é produzir o fluído que protege e nutre os espermatozoides no sêmen, tornando-o mais líquido. Logo atrás da próstata, estão as glândulas denominadas vesículas seminais, que produzem a maior parte do líquido para o sêmen. A uretra, que transporta a urina e o sêmen para fora do corpo através do pênis, atravessa o centro da próstata.

O mês de Outubro é dedicado a conscientização sobre o câncer de mama. Recebemos o carinho do @perolasmg para palestra de conscientização sobre o câncer de mama.

Sobre o Câncer de Próstata

    Vários tipos de células são encontradas na próstata, mas quase todos os cânceres se desenvolvem a partir das células glandulares. As células da próstata produzem o líquido prostático que é adicionado ao sêmen. O câncer que começa nas células glandulares é o  adenocarcinoma.

    Tipos de Câncer de Próstata

    Quase todos os cânceres de próstata são adenocarcinomas, que se desenvolvem a partir das células glandulares.

    Outros tipos de cânceres também pode começar na próstata, incluindo sarcomas, carcinomas de pequenas células e carcinoma de células transicionais, mas são muito raros.

    Alguns tipos de câncer de próstata podem crescer e se disseminar rapidamente, mas a maioria se desenvolve lentamente. De fato, estudos de autópsia mostram que muitos homens mais velhos, e até mesmo alguns homens mais jovens, que morreram de outras doenças também tiveram câncer de próstata sem que nenhum sinal ou sintoma fosse apresentado. Em muitos casos, nem eles nem seus médicos sabiam da existência da doença.

    https://www.instagram.com/p/Box8JhtBnRK/?taken-by=passaroverdeoficial

    O Outubro Rosa é uma campanha mundial realizada anualmente no mês de outubro, que busca a conscientização das mulheres a respeito da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, aumentando as chances de cura e reduzindo a mortalidade. A campanha é simbolizada pelo laço cor-de-rosa.

    Na maioria das vezes, o câncer pode ser detectado em suas fases iniciais, antes mesmo de apresentar qualquer sintoma. Isso porque existem exames como a mamografia, que utiliza a radiação para conseguir criar imagens de dentro da mama, podendo revelar a presença de tumores ainda muito pequenos.
    A maior parte das mulheres acabam descobrindo o câncer sozinha, através do autoexame, que consiste em apalpar as mamas e as regiões próximas à procura de algum caroço.

    No entanto, ele só serve quando o câncer já está mais avançado: enquanto a mamografia consegue detectar tumores menores que 1 centímetro (em estágio inicial), o caroço só pode ser percebido no autoexame quanto atinge 2 centímetros — diminuindo as chances de cura.

    Por isso, o autoexame não dispensa a mamografia, que é uma radiografia das mamas capaz de detectar alterações precoces. #outubrorosa